Os adoradores são guerreiros

Jesus muitas vezes falava às multidões, mas muitíssimas vezes falava a sós com seus discípulos. Seus discípulos também precisavam falar para as multidões, mas para que eles pudessem falar para as multidões, era preciso que Ele [Jesus] falasse antes a eles, como discípulos, a sós, no pequeno grupo, na intimidade.

Era bom para os discípulos ver Jesus, vê-lo curando, falando para as multidões, era até mesmo empolgante, mas era muito maior privilégio e muito mais empolgante ver Jesus falando com eles na intimidade de discípulos.

Claro que Deus quer muitos adoradores, mas para ser adorador é preciso que haja tanta fidelidade, tanta dedicação e até tanta consagração que existem poucos adoradores.

Nós pensamos que adoração é quando nós estamos de braços abertos, de “asas” abertas, esvoaçando, lá encima, quase levitando, dizendo, “Senhor eu te louvo, eu te adoro…” Só que isto não existe! Nós estamos todos no chão, muitas vezes enterrando o pé e a canela na lama. Muitas vezes por erros nossos, por várias circunstâncias, nós estamos enterrados e rastejando na lama, e quanto mais você rasteja mais vai se enlameando, enlameando… e a beleza é que são esses que são os verdadeiros adoradores, porque os adoradores são guerreiros. Eles estão na lama, no barro, rastejando, rastejando, mas não desistem nunca!

Monsenhor Jonas Abib

Deus não é iludido, ele sabe que seus adoradores estão aí, com os pés no chão e quem sabe rastejando na lama, porque o adorador é assim, ele está no barro, mas ele não pára de lutar. Pena que muita gente, até está de pé, mas preso no barro, que não luta mais, ele pára no barro, e vai se soltando, se soltando e afundando, afundando, ele se entrega. Você não pode afundar! Por amor a Deus, por amor aos seus, por amor a Igreja, por amor a este mundo que precisa de Deus, você não pode se entregar, você não pode desistir, Deus quer adoradores que, até possam estar se rastejando, na lama, mas não desistem nunca. Aguenta firme meu filho!

O senhor precisa e está hidratando você, pois o Espírito do Senhor repousa sobre você. Ele está te ungindo, mesmo no meio do barro ele está enviando sobre você o seu Espírito.

Gente, o estar neste mundo já nos desidrata, ficamos como uma planta murcha e caída, mas Deus não quer isso de você, ele sabe onde ele nos colocou e por isso eu e você precisamos nos hidratar sempre. Se cuida meu filho, se cuida minha filha, porque se você não se hidratar, você vai continuar murcho, triste, sem vida, sem ânimo, numa frieza com as coisas de Deus.

Deus está debruçando-se e pegando você, deixe-se pegar por Deus, onde quer que você esteja em que grau de caimento você esteja.

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.