É preciso amar diferente

Vejam: as nossas riquezas são as nossa diferenças. E Deus vai usar muito das nossas diferenças. Se fossemos todinhos iguais não tinham valor nenhum.

Eu já falei varias vezes inclusive em público, até de pessoas que tem temperamento e que tem gênio forte, isso também é riqueza, claro aquele que tem gênio forte precisa administrar isso muito mais que os outros porque é alguém que tem na mão não um martelo, mas uma marreta, claro vc precisa tomar cuidado com a marreta que vc está pra não causar estrago, mas há momento que a marreta e o martelo não resolvem nada. Mas a marreta deu um pum acabou.

Você nem precisa por força na marreta, é soltar a marreta e ela faz a obra dela. O que os tratores fazem, imagine se vc tivesse que fazer toda essa terraplanagem, nós tivemos que fazer vários níveis de terraplanagem, quando começamos a CN, lá embaixo aqui em cima, subindo, nós não tínhamos condição, imagine se nós tivéssemos que fazer tudo isso no enxadão. Mas graças a Deus nós tivemos as grandes máquinas aqui trabalhando na central do Brasil e conseguimos que viessem.
Num instante, nas folgas nos finais de períodos eles vinham para cá com aqueles tratores e num instante, aquelas enormes máquinas fizeram isso aqui fácil, fácil, fácil.

Assim são as pessoas que tem temperamento forte, que tem gênio forte. Claro eu não posso usar as pessoas como eu uso um enxadão, eu tenho que saber manejar. Mas que quanto nós precisamos de enxadas, como dessas enxadinhas pequenininhas de jardim tanto precisamos de um trator, mas não adiante colocar um trator no seu jardim. Imagine só um trator no seu jardim.

Mas tanto você precisa de um trator como você precisa da enxadinhas. E aí que está, a gente precisa aprender a amar o trator e a enxadinhas. Daí os tratores reclamam da enxadinhas, essa enxadinha não faz nada, eu tenho que passar por cima dela, dá vontade de passar por cima. Ela é de vagar quase parando. E ao contrário a enxadinha vive reclamando do trator, bruto, vc é um trambolho na minha vida. Mas já imaginou a gente sem o trator e sem a enxadinha. “As diferenças não são barreiras, elas são riquezas”.

Deus abençoe você,
Pe. Jonas

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.