Eucaristia, sacramento de cura

Pela Eucaristia somos curados de nossas enfermidades

Jesus apareceu diversas vezes aos apóstolos. De maneira repentina, fazia-se visível, mas, logo depois, tornava-se invisível, para mostrar que já estava ali com eles. Não conseguiam vê-Lo, pois seus sentidos não tinham a capacidade de captar um corpo ressuscitado.

Não se tratava de um espírito, era o corpo de Jesus, tanto assim que tinha os sinais das chagas. Jesus lhes mostrou as mãos e os pés com suas chagas, e até comeu entre eles para que percebessem que era Ele mesmo e não “um espírito”, como fez questão de explicar:

Vede minhas mãos e meus pés: sou eu mesmo! Tocai em mim e vede!Um espírito não tem carne, nem ossos, como estais vendo que eu tenho” (Lc 24,39).

É com esse corpo que Jesus está na Eucaristia. É Jesus por inteiro: um corpo que tem carne, sangue e ossos; mais ainda, um corpo humano de alguém que sente, ama e perdoa.

Jesus quis concretizar Sua presença na hóstia, sob a forma de pão e vinho, para que compreendêssemos que, ao receber a Eucaristia, estamos recebendo o Seu corpo, que é presença, remédio, cura, alimento e força para nós.

Seu irmão,

Monsenhor Jonas Abib
Fundador da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.