Ou santos ou nada!

Deus tem o direito de nos transformar à Sua imagem. Ele nos deu o Espírito Santo para colocar em nós a Sua santidade. Por isso é preciso sermos “renovados pela transformação espiritual de nossa inteligência” e renunciarmos ao conceito errado de que não merecemos ser santos, que não somos dignos, que isso não é para nós, que não somos capazes. Precisamos cumprir a ordem do Senhor: “Sede santos, pois eu sou santo”.

“Ou santos ou nada! Parece algo impossível, mas, ao contrário, no momento em que você permite, a graça acontece. No mundo espiritual é fácil ser santo. Tão fácil quanto conceber um filho. É deixar Deus, pelo Seu Espírito, injetar em nós Sua santidade. Ou renovamos, sem cessar, os sentimentos da nossa alma e assumimos: “Quero ser santo”, como quem rema contra a correnteza deste mundo corrompido, lutando a cada dia para alcançar a santidade, ou somos levados pela enxurrada desse rio sujo e poluído. Precisamos viver “Ou santos ou nada”.

Deus abençoe você!

Monsenhor Jonas Abib

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.