Há amor em mim; há amor em você!

Sabemos que: “Tudo concorre para o bem dos que amam a Deus” (Rm 8,28). Quando amamos a Deus, quando estamos envolvidos em Seu amor, tudo concorre para o nosso bem. Como também acontece o contrário: tudo nos estraga, nos faz mal, nos prejudica, quando não estamos vivendo no amor de Deus. “Quanto a nós, sabemos que passamos da morte para a vida, porque amamos nossos irmãos” (I Jo 3,14).

O Senhor quer ressuscitar-nos para o amor. Deus quer nos curar profundamente de tudo aquilo que acabou “matando” o amor em nós. Talvez diante do próximo mais próximo, isto é, seus familiares, filhos, irmãos, pais, esposo(a)… Você tenha tido de dizer: “Meu Deus do Céu, eu não amo, não sinto o amor”. Justamente por causa disso o Senhor quer fazer uma ressurreição em sua vida.

Existe amor em você! Mas, infelizmente, não sentindo esse amor, você acaba dizendo para si mesmo que não ama. Você se acusa e se condena por isso. Quando estamos voltados para o Senhor sentimos Seu amor e começamos a amar: voltamos à vida. Sabemos que passamos da morte para a vida, porque o amor de Deus está em nós. Porque estamos voltados para Ele, começamos a amar o próximo.

Não é possível amar os outros se não amamos a Deus em primeiro lugar. Não é possível amar a Deus as não sentirmos o amor Dele em nós. Precisamos passar pela experiência de que foi Deus quem nos amou primeiro. Porque somos amados e experimentamos Seu amor, começamos a amá-Lo também. E amando a Deus, começamos também a amar o próximo.

Há amor em você. O amor de Deus foi derramado em seu coração pelo Espírito Santo que lhe foi dado. Se esse amor não se manifesta, é porque forças de morte caíram, pesaram sobre ele e sufocaram. Deus quer retirar todas essas forças de morte e fazer você voltar a experimentar o amor. Insista!

Seu irmão,
Pe. Jonas Abib

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.