Valentes guerreiros

Somos combatentes de Deus

O nosso combate é para criarmos têmpera

Os combatentes de Deus são forjados e criam têmpera no cadinho da tentação. Trata-se de algo que pode gerar estranheza: muita gente não aceita isso e sente até repulsa. Mas é a pura verdade! O Senhor treina Seus valentes guerreiros no campo aberto da tentação.

Foi assim com Seu Filho Jesus: o Pai O preparava para ser o “general” do poderoso exército de Seus valentes guerreiros. Por isso, fez com que passasse, também Ele, pela dura prova da tentação. Não duvide! O discípulo não é mais que o Mestre.

Portanto, nós passamos pelos mesmos caminhos de Jesus. Não podemos confiar em nós mesmos, pois nossa natureza humana já foi contaminada pelo pecado. Somos portadores de uma inclinação para o mal. Se não tomarmos cuidado, essa natureza nos domina e nos faz perder a graça de Deus.

É preciso podar sempre o homem velho e deixar que cresça o ramo novo, isto é, a semelhança de Jesus. Isso se faz pelo Espírito Santo, que o próprio Senhor enxertou em nós. Por que  escribas e sacerdotes, levitas e fariseus, que conheciam e ensinavam a Palavra de Deus, acabaram traindo Jesus? Porque os mais escolhidos, os mais eleitos, os mais amados, são os mais tentados.

Seu irmão,

Monsenhor Jonas Abib
Fundador da Comunidade Canção Nova

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.