Um contínuo treinamento...

Precisamos ser atraídos e entrar na “correnteza” do Senhor. No começo, iremos nos desequilibrar, mas depois virá o equilíbrio e pegaremos a direção novamente. Quem nos leva é Deus, mas para isso é preciso muita oração.

Por meio do faro, o cão vai em busca do que quer. Isso faz parte do instinto dele. Deus faz parte do nosso instinto, apesar de a tentação dessa “nuvem negra” que caiu sobre a face da terra, sobre a nossa mente, sobre o nosso coração e a nossa vontade, “escurecendo” tudo em nós. Mas o instinto de Deus em nós continua e funciona. E onde Ele está há uma atração. O Senhor quer nos treinar de novo. Quer nos devolver o “faro” que o mundo tirou. Deus está recriando em você e colocando no seu coração esse sentido novamente. Deixe-se ser “adestrado” por Ele. Vá à adoração, levante-se de madrugada e comece a rezar conforme Deus inspirá-lo. Ele nos quer “cães farejadores” e de “caça”. Seja um “farejador” dócil. Deixe o Senhor treiná-lo na adoração.

Seu irmão,

Padre Jonas Abib

Evite nomes e testemunhos muito explícitos, pois o seu comentário pode ser visto por pessoas conhecidas.